Literatura Fantástica Brasileira

Literatura Fantástica Brasileira

I Bienal Fight Championship

Bienal 2014
Não, espera...


BFC
Agora sim!

Por Chutenacara.com.br.

*Especialmente para Marco A.A. (https://plus.google.com/109150716038320365210/posts) que declaradamente adora um barraco.

Há exatamente um mês publiquei uma matéria sobre o que pode-se esperar da próxima Bienal do Livro, a ser realizada em São Paulo.
Porém a quantidade de atrações que estarão presentes ao evento não para de crescer e, se tudo correr da forma como aparenta, será campeã disparada de crítica e público.
Notícias informam que o evento será palco, também, de algo semelhante a um "BFC - Bienal Fight Champioship".
Parece que diante da incapacidade de que problemas de ordem pessoal e profissional sejam resolvidos de maneira mais diplomática pelos membros do "cenário literário" haverá um verdadeiro "acerto de contas" entre eles.
Não aprovo o uso da violência, mas sou sincero em dizer que diante de acusações feitas (algumas delas bastante sérias) eu também me veria obrigado a apelar para o "chutenacara".
Algumas pessoas parecem ser incapazes de discernir entre uma crítica profissional e uma acusação pessoal e acabam se excedendo em certos momentos.
Vejam a imagem abaixo e vamos acompanhando o desenrolar dos fatos.

Eddy Khaos

Pois bem, uma vez que meu perfil já foi excluído devido às denúncias feitas pelos amigos do excelentíssimo senhor Eddy Khaos (o maior escritor da atualidade), posso assumir que o perfil em questão era meu, onde utilizava a alcunha de "Ed Norman". Diante do desespero em não saber de quem se tratava, Eddy Khaos (o sucessor de Jorge Amado) atribuiu a propriedade do perfil ao escritor Oscar Mendes Filho, com quem possui discrepâncias há um bom tempo.
Talvez Eddy Khaos, assim como seus amigos literários, acredite que o único ser no planeta que considera seu trabalho literário como sendo de péssima qualidade seja o citado escritor, não passando-lhe pela cabeça que existe muito mais gente dentro do meio (assim como fora dele) que o considera como um pobre infeliz manipulado por editores e escritores em prol de interesses deploráveis.
Reintero, entretanto, que em momento algum utilizei do perfil fake para atacá-lo de maneira pessoal, mas sim, criticando seus trabalhos. Isso já foi o suficiente para que diversas amiguinhas do sujeito em questão partissem em defesa dele, como normalmente acontece.
Pouco me importa se Eddy Khaos (writer master) é negro, índio, boliviano, coreano, heterossexual, homossexual, bissexual ou assexuado, sempre me ative a criticar o péssimo trabalho dele e em momento algum parti para o nível pessoal.
Acontece que, metendo os pés pelas mãos, ele passou dos limites, como veremos a seguir.

Eddy Khaos

Ainda que ele não cite nomes, qualquer tapado sabe que ele se refere à Oscar Mendes Filho.
Que ele atribuísse a propriedade do perfil fake a ele seria relevável, diante da incógnita que existia quanto a quem era "Ed Norman", entretanto, atribuir-lhe adjetivos desse nível chega a ser considerado crime e, sinceramente, acredito que providências legais deveriam ser tomadas para remediar essa situação.
Racismo e homofobia são crimes inafiançáveis e isso poderia resultar em sérios problemas para o Oscar Mendes Filho, mas diante da impraticabilidade de tais acusações, principalmente feitas por quem fez, acabou não dando em nada, como não poderia ser diferente.
Mas não me espanta a atitude tomada por Oscar Mendes Filho (companheiro nosso aqui do blog) diante do que conheço dele.
Vejamos a resposta dada pelo colega em questão.

Eddy Khaos

Não vou defender o Oscar Mendes Filho por ele ser um dos participantes aqui do blog, mas sim, pelo que conheço dele, assim como defenderia qualquer um que passasse pelo mesmo. Esse tipo de acusação é extremamente séria e não pode passar em branco, ser acusado de ser racista e homofóbico é grave.
E, convenhamos, o fato de um cidadão se recusar a manter relações homossexuais faz dele homofóbico? Somos obrigados a sapecar a roela para não sermos acusados? É o fim da picada, mas esse é um contexto bastante complexo e não me aprofundarei nele.
Quem conhece o Oscar Mendes Filho, assim como eu, sabe que uma das virtudes (ou defeitos) do colega é o fato de ele não ter papas na língua e falar o que pensa, assim como fez na imagem acima, e isso faz com que eu encontre dificuldade em entender o motivo que faz com que Eddy Khaos (o senhor magnânimo, salve, salve) e seus amigos tanto tenham insistido que "Ed Norman" fosse um fake dele. Mas quem sou eu para entender alguma coisa? 
O que eu entendo é que o difamado em questão, Oscar Mendes Filho, facilmente ganharia a causa caso decidisse abrir um processo contra Eddy Khaos (the best writer of the Brazil), mas entendo também pelo pouquinho que conheço de direito penal, que diante da impossibilidade do condenado em poder arcar com as indenizações imputadas, tudo acaba ficando por isso mesmo e nem um dia de cadeia o falastrão pegaria. Ou seja: seria um desperdício de tempo e de dinheiro, devido aos custos processuais.
Provavelmente por também saber disso, veja qual a decisão tomada por Oscar Mendes Filho.

Eddy Khaos
Isso é o que eu caracterizaria tipicamente como "cutucar a onça com vara curta", "mexer num vespeiro" ou algum termo do gênero.
Daí surgirão os que dirão "nossa, ele é um ogro", "parece que estamos na idade média", "o cara é um troglodita", "o sujeito é um ignorante" mas acredito que no lugar dele eu faria o mesmo, principalmente diante da impossibilidade de que tão graves acusações pudessem ser remediadas de outra forma.
Moer a cara do falastrão na porrada resolveria o caso?
Não sei, mas pelo menos eu me sentiria vingado até mesmo porque "respeito é bom e conserva os dentes". 
No lugar dele, o que você faria?
Mas essa matéria acaba sendo também interessante para quebrar aquela imagem de que todo escritor é um tiozinho pacato, fumador de cachimbo, bebedor de chá e barrigudo que vive em um mundo zen, paralelo à nossa realidade. Hoje em dia o buraco é bem mais embaixo e para se falar o que bem entende há que se tenha cacife para isso, sob o risco de perder-se os dentes.
Mas saindo do contexto de quem está certo ou errado nesse caso (até porque já tenho minha opinião formada) retornarei à Bienal do Livro.
Não perco essa por nada desse mundo!
Façam suas apostas.
Are You Ready?

Entre em contato: litfanbr@gmail.com


27 comentários:

  1. "Aqui no Brasil é assim: ou você respeita ou você perde os dentes."
    - Wanderley Silva (grande escritor brasileiro)
    Nem acreditei quando comecei a ler o texto.

    Simplesmente o melhor blog da atualidade!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chutenacara.com.br15 de abril de 2014 22:51

      Sabia que você ia gostar grande Marco.
      Comigo é assim: "Missão dada é missão cumprida" - Capitão Nascimento (filósofo moderno).

      Excluir
  2. Existe algum texto deste Eddy Kratos que faça parte de um programa Leia e Receba compensação em dinheiro? Juro que tenho curiosidade a respeito do trabalho deste cidadão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chutenacara.com.br15 de abril de 2014 22:50

      Tem alguma coisa nessa matéria aqui http://www.litfanbr.blogspot.com.br/2014/02/parece-piada-so-que-nao.html#more, se depois de lê-la você ainda tiver coragem de encarar...

      Excluir
  3. Lamento informá-los, mas por mais que seja tentadora, a notícia não procede. Fiquei puto realmente com as acusações do sujeitinho e consultei meu advogado porque o que ele disse realmente foi muito grave. Mas provavelmente o morto de fome não teria condições de pagar a indenização que eu pediria e seria apenas desperdício de dinheiro processá-lo. Quanto a descer-lhe a porrada na Bienal não sei se isso vai acontecer, mas é bem provável que não, a menos que qualifique legítima defesa, aí a história é outra. Ainda não confirmei minha presença no evento e mesmo que eu compareça, que méritos eu teria em quebrar a cara de um coitado desses? Seria covardia da minha parte, porque pelo que sei ele tá mais morto do que vivo. Tenho dois filhos para criar e não vou usar meu dinheiro para ficar bancando pensão por invalidez para um sujeitinho medíocre desses. Além do mais, eu não luto de graça, se os organizadores da Bienal pagarem uma bolsa razoável, quem sabe? O que posso fazer é lamentar pelo que ele disse, e muito. Minha esposa é descendente de afro-descendentes, tenho amigos gays e também afro-descendentes, então me acusar de racismo e homofobia só reflete que ele não sabe nada sobre mim e aparentemente está com algum problema mental. Depressão? Abstinência sexual? Perguntem pra ele. Se vou deixar isso barato? Talvez, mas o destino se encarregará de me vingar, se bem que basta olhar para essa criatura e perceber que isso já está acontecendo. Lamento estragar a festa de vocês.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Astrid Underground16 de abril de 2014 00:06

      O seu mal Oscar foi dar a cara a tapa, talvez tivesse sido melhor se manter anônimo, como eu. Dou graças à Deus por ter feito isso. Quanto a esse Eddy Khaos, ele é uma piada de mal gosto e realmente não vale a pena perder tempo com gente assim.

      Excluir
  4. Astrid Underground16 de abril de 2014 00:07

    Será que a figura, Eddy Khaos, irá se manifestar? Duvido muito, é mais fácil alguma das "amiguinhas" dele fazerem isso.

    ResponderExcluir
  5. De fato, os barracos são os maiores responsáveis pela grande audiência do Blog, pois, todo mundo que eu conheço, que está ligado ao meio literário, conhece este espaço.

    Eu particularmente prefiro os posts contendo denúncias referentes as práticas nocivas à Literatura Nacional, como um todo. Como é o caso da panela que fala bem de livros péssimos, dando aos leitores, a ideia de que livros nacionais são geralmente ruins, e fazendo-os partir definitivamente, para o estrangeiro.

    E o que falar dos barracos? Uma diversão, divertida... até o momento em que você lembra que não gostaria de estar no lugar das pessoas envolvidas.

    O post explica o motivo da exclusão do perfil do Ed Norman. E mostra que, mesmo aqui dito como morto de fome, o Eddy Khaos, possui influência suficiente para tal.

    Ahh, pai... o que seria da Literatura Nacional sem o Eddy Khaos?
    Convenhamos, é algo a se refletir.

    Seria melhor ou pior?
    Seria mais ou menos divertida?

    ResponderExcluir
  6. Uma dica pro Eddy (que eu não conheço) e pro Oscar (que eu conheço): um deve morrer pro outro. Sério. Ignorem um ao outro. É mais fácil, vai resolver os problemas, façam um enterro fictício na cabeça, economizaram energia e a própria saúde (de ambos). Tem um montãoooo de gente no mundo que eu detesto, mas eu alimento lá minha raivinha interna, porém, sequer cito o nome, para não ficar me contaminando com esse sentimento.
    Superem isso, e bola pra frente! Ambos tem um mundo inteiro a conquistar!

    ResponderExcluir
  7. Eu não conheço o Eddy khaos, mas essa Editora Literata é uma piada!!!

    Os autores que estão lá são muito invejosos e a panelinha é demais. Esse editor ai é uma vergonha para o meio literário. Capas horríveis, autores péssimos e invejosos que avaliam seus próprios livros. o logo da editora kkkk Tem uma escritora chamada Tatiana Amaral que se acha a grande estrela da literatura nacional, "compradora de seus próprios livros na Amazon" os fanfics dessa mulher são toscos, ela não tem talento nem para criar uma história original, sem falar outros de lá. Ali só tem inveja e panela por isso não vai pra frente!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não se pode generalizar, anônimo. Não é por causa de um autor que todos são ruins. E não é porque a editora é pequena, iniciante e com poucos recursos que não é boa. Chamar mais de 50 autores de ruins e invejosos, como anônimo em um comentário, é a mais ignorante de todas as generalizações.

      Excluir
    2. Aí o Anônimo vem encher o saco do Anônimo por estar expressando a opinião dele como Anônimo. Chega a ser surreal

      Excluir
    3. O que é surreal aqui é o comentário do primeiro anônimo. Parece uma opinião de um editor que está se aproveitando do bafafá do blog pra falar mal da editora concorrente, não acha? Olha bem o comentário e vê se não concorda!

      Todos têm opinião, é claro, mas quando se tem uma opinião contrária, como a do segundo anônimo, parece que o mundo vai desabar! É melhor analisar primeiro quem cheira seu rabo.

      Por favor, prove que TODOS os autores são ruins e invejosos. Faça uma lista de um por um e diga: ele é invejoso porque fez isso e eu posso provar: veja as provas; e ele é ruim porque escreveu muito mal isso, e isso e isso, e eu posso provar: veja as provas.
      Por favor, faça essa lista e ninguém vai "encher o saco" de ninguém por ter expressado uma opinião sem fundamento, ignorante e generalizando sem fundamentos.

      Excluir
  8. É o velho problema de quem recebe críticas e pertencer a algum tipo de minoria: achar que ela se baseia na raça ou na opção sexual e não em sua incapacidade profissional.
    Mas a Bienal ainda pode ser interessante, digamos que Eddy Emo Khaos tenha um rompante de masculinidade? A coisa seria bem interessante.
    E ainda que não haja a briga, teremos elefantinhas como Janaina Rico, Milla Wander e cia. de cinta liga e babydoll divulgando suas fantásticas obras. Imperdível!

    ResponderExcluir
  9. Pensei que isso aqui fosse um blog de Literatura Fantástica Nacional. E não de um espaço para que todos (mesmo anônimos) se ataquem movidos por inveja e concorrência.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Serve, também, para você leiloar sua roela, se bem que ela não deve tá valendo grande coisa...

      Excluir
  10. Engraçado é que o foco da postagem, o fato de Eddy Khaos ter me chamado de homofóbico e racista se tornou irrelevante. Lógico, não foi nenhum de vocês que ele acusou. Pelo menos eu comento usando a minha conta, sem ser anônimo. Bando de maricas.

    ResponderExcluir
  11. “Eu sei até que parece sério, mas é tudo armação
    O problema é muita estrela, pra pouca constelação.”

    Raul Seixas e Marcelo Nova

    ResponderExcluir
  12. o problema dos mesquinhos e invejosos é que uma hora ou outra acabam caindo na boca do povo ai não adianta mais brigar, isso se torna uma crescente sem tamanho! há sempre pessoas que não aceitam criticas e esse blog aqui está abrindo os olhos dos leitores. que coisa horrenda esse autor brigando e xingando pq alguém não aprovou a qualidade de seu trabalho, isso ai queima a editora e quem mais se envolve nesse bafafá.

    já ouvi falar horrores de autores dessa editora justamente por panelas e coisas desse genero. o problema é que ninguem quer mudar ou aceitar as criticas. esse rapaz Edy deveria procurar melhorar suas obras e aceitar as criticas, se o povo fala é pq precisa melhorar.

    um editor tentando queimar outra editora anónimo? a vá!!! editoras ruins se queimam por elas msm, porque não querem mudar e aceitar o trabalho de péssima qualidade que prestam. tente instruir seus autores a serem mais transparentes e profissionais assim o povo esquece vcs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Trabalho de péssima qualidade que prestam"? Não estou do lado de nenhuma editora, e nem preciso pra mostrar o total descrédito de seu comentário ridículo! Se na sua opinião apenas um ou dois autores refletem todo um trabalho de dezenas de autores numa editora, é porque o invejoso (ou invejosa) aqui é você, pra falar tanta asneira em apenas um comentário.
      Está na cara que você é um editor que não quer se identificar, desses como o da Navras, que adora falar mal de todos os autores que não sejam de sua editora.
      Já vi muitos comentários de todos os tipos, mas o seu... reconheço um aproveitador pelo tom da conversa. Seu desgraçado, covarde!
      -------------------
      É errado o que esse tal de Kaos comentou sobre o tal de Oscar? Sim, é errado. Apesar de que pelo o que vi acima ele não menciona o nome do tal Oscar, então não há como provar. O tal de Kaos é um péssimo escritor? Não sei, nunca vi nada dele, mas se for, que aceite as críticas e procure melhorar. O Oscar é um troglodita invejoso, como afirmam por aí? Pode até ser, mas o que está em jogo não é seu caráter, e sim suas obras - vários ótimos escritores são muito mal educados e arrogantes.

      Agora, falar mal de uma equipe INTEIRA de dezenas de escritores conhecendo somente meia dúzia, e ainda atribuir todo o mal que você classificou na própria editora... ela pode ser a pior editora do mundo, mas acho impossível que dezenas (repito, dezenas) de escritores sejam iguais aos dois ou três de quem você falou mal. Essa é a minha opinião, e se você não gostou, mando um recado para seus autores: "Saiam! O editor de vocês é um pilantra!".
      Se fosse o contrário, tudo bem, mas nunca vi a Literata falar mal de todos os autores de outra editora. De início, fiquei em dúvida de qual Literata se tratava (existem duas com o mesmo nome), mas pelo autor não foi difícil identificar.

      Tudo bem, agora você pode espernear, mentir, dizer que não é editor, falar o que quiser. Mas a atitude desse seu comentário já demonstra que generalizar é o maior erro que qualquer crítico comete, seja ele critico literário ou não.
      -----------------------------------------------
      Voltando ao assunto do post:
      Sei que é revoltante certas atitudes de certos autores, mas o Oscar age bem em não partir para a ignorância. A palavra ignorância não combina com literatura. Porque se fosse assim, eu diria:
      -- Porrada na Bienal! É isso aí! Muito sangue vai rolar, muitos livros voando por toda parte, e viva a Literatura Fantástica Brasileira, porra!

      Convenhamos... o que vocês ganham com isso?

      Excluir
    2. Bom, só o fato de eu não espancar o Eddy Khaos na Bienal já indica que quem fala que sou um "troglodita invejoso" deveria enfiar a língua (ou os dedos) no rabo ao invés de ficar falando de mim. Só queria saber do que eu poderia ter inveja, afinal, alguns desses idiotas tem dez livros escritos?

      Excluir
    3. Bem ou mal, esse blog fez o Brasil inteiro conhecer o Eddy Khaos.
      Creio que a crítica deva sim existir, contudo, que seja feita de forma construtiva.

      Eu mesmo estou postando em meu blog, detalhes que não gostei em determinados livros e apontando o que acredito serem as graves falhas cometidas pelos autores, em minha opinião de leitor.
      Eu faço um estudo, e até onde posso, uma análise. Comento e assino.
      Quem achar bom ou ruim, comenta lá, mas depois disso, morreu boi.

      Agora ficar atrás do cara dizendo que a obra dele é um lixo, não ajuda a literatura melhorar em nada.
      Não conheço o Eddy Khaos e já tenho motivos o bastante para nem querer chegar perto da obra dele. Mas o que eu acho é que ele nunca foi tão famoso, antes de virar assunto neste blog.

      Imagina só, se ele escreve e lança um livro realmente muito bom. O cara tá feito.
      Se a obra ele é ruim como dizem. Então ele tem mais é que ser esquecido.

      Excluir
    4. Chutenacara.com.br21 de abril de 2014 04:54

      Chegando de viagem e me deparo com isso.
      Pois bem, o caso do Eddy Khaos então se assemelha às "mulheres-fruta" que conseguem fama por serem medíocres.
      Foi só isso que ele conseguiu através do blog, uma vez que nunca fez nada para ser merecedor de algum elogio.
      Se ele fica feliz com isso, não me surpreende, afinal, é bem do feitio dele e daqueles com quem anda: conseguir fama a qualquer preço, ainda que sua dignidade seja enfiada no ânus.

      Excluir
  13. Vocês já falaram sobre esse tal Eddy Khaos para o analista de vocês? Sério, essa obsessão que vocês tem por ele é no mínimo doentia, e nem me venham falar que é para "denunciar os males que ele causa à Literatura Fantástica Nacional", porque nem ele e nem ninguém da tal "panelinha" tem esse poder de ferrar a Literatura como vocês afirmam. São todos peixes pequenos, microscópicos aliás. Sou escritor também e nunca tinha nem ouvido falar da maioria deles até frequentar esse site. O Eddy Khaos eu nem sabia que existia.

    Denúncia vocês fazem quando apontam as picaretagens de editoras de moral duvidosa. ISSO é um trabalho louvável e que pareceu ser a proposta do site e que por várias vezes foi muito bem feito. O restante parece fofoquinha com motivações pessoais: ninguém é tão acidamente contra alguma coisa a menos que se tenha pendências de ordem muito pessoal. Olha a que nível chegou o Chutenacara, precisar criar um perfil fake no facebook para espionar o Kaótico escritor, feito um ex-namorado que tomou um pé na bunda. E isso está ofuscando a ideia original do blog. Ele é certamente mais frequentado pelas pessoas que querem ver circo pegar fogo e esse tipo de fofoquinha(vou acessar o Litfanbr hoje para ver qual foi a última do Eddy Khaos e dar risada da revolta do Chutenacara) do que por aqueles que buscam alguma coisa séria sobre os tais bastidores da literatura fantástica.

    E o que dizer do "Oscar Caju"? Certamente não é um troglodita, pois para isso precisa comer muito feijão com arroz ainda. Uma pena, não li nenhum livro dele, mas por seus escritos em seus blogs(contos e matérias) mostra-se possuidor de talento e capacidade para disputar o lugar com o Vianco... E quem sabe até sobrepujá-lo. Mas prefere ter seu nome relacionado a briguinhas com escritores de projeção microscópica(não vou mencionar o talento deles, pois nada li do Eddy Kahos, nem do Tierno) para o deleite de internautas que querem espantar o tédio. E assim o tempo passa.


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chutenacara.com.br23 de abril de 2014 02:43

      Não Anônimo, meu perfil fake não foi criado apenas para monitorar o Eddy Khaos, mas sim para assim o fazer em relação a todos os que cagam no meio literário.
      Se nunca tinha ouvido falar da figura e de seus asseclas, sorte a sua.
      Quanto à merda que aqui jogamos no ventilador, apenas damos o que o povo pede, mas o blog não consiste somente nisso. Basta verificar as publicações e encontrará bastante material que auxilia os que se encontram perdidos dentro do meio literário.
      Quanto ao Oscar, acredito que ele gostará dos elogios que fez, mas fica por conta dele agradecê-lo.
      Um abraço e, da próxima vez, pode se identificar, aqui ninguém morde não.

      Excluir
  14. INVEJOSO É O LIXO DO EDDY KHAOS! ELE ESCREVE ERRADO COMO UM ANALFABETO E FICA FALANDO MAL DOS ESCRITORES QUE ESCREVEM MELHOR QUE ELE. É UM LIXO!

    ResponderExcluir
  15. O mais curioso é que esse tal Eddy Kaos só confirmou presença na Bienal depois que o Oscar noticiou que não participará da mesma.
    É um bunda mole mesmo.

    ResponderExcluir

Pode chorar...