Literatura Fantástica Brasileira

Literatura Fantástica Brasileira

Gore Boulevard - a verdade sempre aparece.



Por Oscar Mendes Filho.


Visto que o pessoal do blog parece ter retomado as atividades vou expressar minha indignação em relação a uma recente descoberta.



Já há bastante tempo a coluna que eu tinha no site Gore Boulevard foi tirada do ar pelos seus responsáveis. Assim o fizeram pelo fato de terem se sentido atacados com algumas matérias que foram publicadas aqui no Literatura Fantástica Brasileira.

É o famoso "efeito carapuça" tão em voga atualmente. As pessoas que possuem o rabo preso sentem-se ofendidas com coisas que não são destinadas a elas, mas por se enquadrarem nos fatos mencionados acabam por tomar para si o que é dito.

As pessoas em questão alegam que essas matérias que os atacaram, ainda que tendo sido redigidas e assinadas por outras pessoas insatisfeitas com o atual patamar do meio literário, são de minha autoria.

Por mim tudo bem, afinal de contas quem sou eu para enfiar alguma coisa na cabeça desse povo?

O mais curioso foi que bastou retirarem minha coluna da página deles para que meus textos que até então eram enaltecidos pelos próprios responsáveis pelo blog passassem a ser rotulados como ruins.

Visto que trata-de de pessoas que estão muito longe de serem consideradas críticos literários isso não me abalou em nada. 

Se meus textos fossem assim tão ruins como eles dizem eu mesmo teria ignorado o material, afinal de contas todos estamos sujeitos a produzir algo que não possua qualidade muito boa. Como eu e outros leitores discordamos do veredito desse pessoal fiz questão de criar um blog para publicar esse material excluído por eles, o blog Prisioneiro do Medo http://www.prisioneirodomedo.blogspot.com.br/

O que me deixa enojado é o fato de eu ter descoberto que, embora minha coluna tenha sido excluída da página deles, minhas matérias ainda podem ser lidas no tão prestigiado site.

Estou inventando?



Consulte o link http://gore-boulevard.webnode.com.br/tags/Oscar/ e comprove você mesmo.

Ou então, visite os links abaixo, onde todas as minhas matérias estão listadas uma a uma:


http://gore-boulevard.webnode.com.br/news/medo-do-escuro-medo-de-musica-/


http://gore-boulevard.webnode.com.br/news/o-horror-atraves-da-historia/


http://gore-boulevard.webnode.com.br/news/faces-do-horror-medo-da-morte/


http://gore-boulevard.webnode.com.br/news/cronologia-horripilante/


http://gore-boulevard.webnode.com.br/news/a-origem-da-sexta-feira-13/


http://gore-boulevard.webnode.com.br/news/horror%20e%20n%C3%A3o%20terror/


http://gore-boulevard.webnode.com.br/news/the-true-brazilian-horror-literature/


http://gore-boulevard.webnode.com.br/news/waverly-hills-sanatorium/


http://gore-boulevard.webnode.com.br/news/o-crime-do-castelinho-da-rua-apa/


http://gore-boulevard.webnode.com.br/news/vampiros%20de%20hoje%20e%20de%20amanh%C3%A3/


http://gore-boulevard.webnode.com.br/news/vertentes-do-horror/


http://gore-boulevard.webnode.com.br/news/obras-de-horror-/


http://gore-boulevard.webnode.com.br/news/canibais-o-horror-na-vida-real/


http://gore-boulevard.webnode.com.br/news/pequena%20disserta%C3%A7%C3%A3o%20sobre%20o%20medo/


Nessas horas é que vemos quem é quem dentro do meio literário e demonstro que faz-se desnecessário inventar coisas para empurrar fezes na cara dessa gente.

Um pessoal que se diz "ativista cultural", que proclama-se como "defensor dos escritores underground" utilizar um material sem autorização é, no mínimo suspeito.


Sim, sem autorização, pois uma vez que excluíram minha coluna da página deles, obrigatoriamente deveriam ter excluído meu material, ou estou falando besteira?


Agora entendo o motivo pelo qual essa gente se doeu quando foram publicadas algumas matérias aqui no blog, é que no fundo eles sabiam que o que era denunciado também lhes servia.


Me aconselharam a enfiar um processo goela abaixo dessa gente, mas não farei isso porque como já disse diversas vezes escrevo para os leitores que apreciam meu trabalho, e não visando lucro.


Não me sentiria bem ao tomar dinheiro de pessoas menos favorecidas que eu ou ao aproveitar-me da falta de capacidade de outrem visando lucro.



Se eles tiverem o mínimo de decência e honrarem com as causas que tanto proclamam defender, retirarão meus textos da página deles, ou não, afinal de contas o site deles necessita de visitação.

Os fatos falam por si, ou será que sou um imbecil invejoso e sem talento que inventa coisas, como eles insistem em dizer na ânsia de defender seus conchavos literários?

Entre em contato: litfanbr@gmail.com



4 comentários:

  1. Entrei em contato com o famigerado Iam Godoy ("responsável" pelo site Gore Boulevard) para tentar descobrir o motivo de tamanha falcatrua. Sabem o que eu obtive como resposta? O bloqueio do meu perfil.
    Gentalha de merda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não perca seu tempo tentando falar com esse tipo de gente.

      Excluir
  2. Os charlatões parece que retiraram grande parte do material dele da página, mas ainda fazem uso de duas.

    http://gore-boulevard.webnode.com.br/news/waverly-hills-sanatorium/

    http://gore-boulevard.webnode.com.br/news/o-crime-do-castelinho-da-rua-apa/

    ResponderExcluir
  3. Deixa lá Paulo, pelo menos serve de backup gratuito pra mim.

    ResponderExcluir

Pode chorar...